Hino

Hino de Patos –  Autor Amaury de Carvalho

Num cantinho da minha Pátria amada e dentro do meu coração,

está minha terra adorada de sonhos e de tradição.

O seu nome foi tirado da Lagoa dos Patos tranquilos de lá.

No mundo uma terra tão boa eu creio meu Deus que não há.
____

Patos, te amo Patos, Patos eu sempre hei de amar.

Patos, te amo Patos, Patos eu sempre hei de amar.

A riqueza escondida no seu seio, não pode ninguém calcular.

De artista a cidade é um esteio, são lindas as morenas de lá.

Nos seus cantos é bonita a alvorada, nos rios que correm por lá.

As loiras meninas douradas, derramam perfumes no andar.

____

Patos, te amo Patos, Patos eu sempre hei de amar

. Patos, te amo Patos, Patos eu sempre hei de amar.
____

O progresso foi chegando de repente e os patos fugiram de lá,

deixando a saudade na gente e a ânsia de vê-los voltar.

Os seus filhos nos lugares mais distantes, sussurram o seu nome sutil.

São homens de feitos brilhantes, amando e honrando o Brasil.
____

Patos, te amo Patos,
Patos eu sempre hei de amar.
Patos, te amo Patos,
Patos eu sempre hei de amar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *