Instituto Histórico


O dia 24 de outubro de 1997 ficou marcado pela fundação do Instituto Histórico e Geográfico de Patos, destinado ao estudo e à pesquisa na busca incessante de se rastrear e registrar a memória do município, além de conservar o seu patrimônio cultural. A reunião de criação aconteceu a partir das 10:30 horas, no auditório da Fundação Ernani Sátyro, e foi presidida pela saudosa professora Emília Longo da Silva Fernandes, tendo como Comissão Promotora os seguintes membros: Adalmira Marques da Silva Cajuaz, Alarcon Messias Leitão, Amaury Sátyro Fernandes, Euzari Ayres de Lacerda, José Mota Victor, José Romildo de Sousa, Maria de Lourdes Nóbrega Medeiros, Marlene César Bezerra, Maria Zoetânia da Nóbrega Batista e Oscar Leandro da Silva. O evento fez parte das comemorações alusivas aos 94 anos da elevação de Patos à categoria de cidade.

A entidade de direito privado, sob a forma de sociedade civil, sem fins lucrativos, que teve como primeiro presidente José Romildo de Sousa, é composta de sócios efetivos, correspondentes, beneméritos e honorários. Na sua estrutura são mantidas cinco Comissões Permanentes: História e Arqueologia; Geografia e Ecologia; Antropologia, Etnografia e Sociologia; Comissão de Contas e Comissão de Admissão de Sócios. As reuniões ordinárias são realizadas na primeira quarta-feira de cada mês.

O Instituto Histórico e Geográfico de Patos mantém uma biblioteca, um arquivo e um museu, sendo que os dois últimos são franqueados ao público, enquanto que ao primeiro têm acesso os sócios e os pesquisadores devidamente autorizados.

São Patronos das Cadeiras do Instituto Histórico e Geográfico de Patos, na ordem crescente, os seguintes vultos: Firmino Ayres Leite, Enaldo Torres Fernandes, Ernani Ayres Sátyro e Sousa, João Rodrigues Coriolano de Medeiros, Edivaldo Fernandes Motta, Alyrio Meira Wanderley, Romero Ábdon Queiroz da Nóbrega, Joaquim Ferreira de Assis, Tarcísio Meira César e Fernando Gomes dos Santos. As respectivas cadeiras foram ocupadas a partir da fundação por: Euzari Ayres de Lacerda, Oscar Leandro de Oliveira, Amaury Sátyro Fernandes, Alarcon Messias Leitão, José Mota Victor, José Romildo de Sousa, Maria Zoetânia da Nóbrega Batista, Adalmira Marques da Silva Cajuaz, Marlene César Bezerra e Maria de Lourdes Nóbrega Medeiros.

O Instituto Histórico e Geográfico de Patos passou a funcionar em prédio localizado na Praça Edivaldo Motta, próximo a Igreja de Nossa Senhora da Conceição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *